Publicado em 07/03/2020 às 16h51 | 595 visualizações |

Professores e alunos protestam nas ruas de Picos contra descaso de Wellington Dias com Educação

 

Professores e alunos da rede pública estadual de ensino em Picos saíram às ruas da cidade na manhã desta sexta-feira, 6 de março, para protestar contra o descaso do governador Wellington Dias (PT) coma educação. Além do mais, o gestor teima em não cumprir com a lei e pagar o reajuste do piso salarial da categoria.

Manifestação teve início em frente ao Premen/Foto: José Maria Barros.
 

Os manifestantes também protestaram contra a situação precária das escolas e as mínimas condições de trabalho para os docentes, além de problemas com o transporte escolar, que impede que os estudantes que moram em comunidades da zona rural cheguem até as unidades.

Alunos cobram conclusão da reforma do Miguel Lidiano/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação
    
Idealizada pelo alunos do Centro Educacional Petrônio Portela-Premen, em parceria com o Sinte Regional de Picos, o protesto de hoje teve início com momento de reflexão na escola. Em seguida, com faixas, cartazes e apoio de um carro de som, os manifestantes saíram pelas ruas da cidade gritando palavras de ordem contra o governador Wellington Dias (PT).
    
Ao longo da caminhada, alunos e professores entregaram aos populares uma carta aberta aos piauienses, onde relatam a luta dos 40 mil educadores filiados ao Sinte no movimento grevista, iniciado no último dia 10 de fevereiro.

Estudantes participam da manifestação contra Wellington Dias (PT). Foto: José Maria Barros.
 

“Estamos sendo sacrificados pela má gestão e a greve sendo criminalizada pelo governador e secretários quando afirmam, em um esforço midiático, que ganhamos acima do piso, esquecendo-se de citar que englobam gratificações. Do mesmo modo, se distanciam da verdade ao fazer a defesa do diálogo, visto que, nas raras vezes em que simulou negociar, fez ‘ouvidos de mercador’ as questões referentes à merenda e transporte escolar, infraestrutura das escolas, promoções, aposentadorias e respeito à Lei do Piso” – diz um trecho da carta.

Presidente do Sinte Regional de Picos garante que greve continua/Foto: José Maria Barros.
 

Parada

Após percorrerem algumas ruas do centro da cidade os manifestantes fizeram uma parada em frente à Escola Normal Oficial de Picos, uma das raras unidades do município em que os professores furaram a greve. Lá, sob um sol escaldante, educadores e dirigentes sindicais falaram da luta da categoria e conclamaram os colegas a aderir ao movimento. A caminhada terminou em frente ao Sinte.    
    
“Nós estamos firmes e resistentes nessa luta e vamos continuar em greve, pois quem está ilegal é o governo do estado. Ele é quem descumpre a Lei do Piso Salarial e ainda vem com ameaças, mas somente retornaremos ao trabalho quando o governador atender as reivindicações da categoria, mantendo nossos direitos conquistados ao longo de muitos anos” – afirmou a presidente do Sinte Regional de Picos, Gisele Dantas.

Sindicalista denuncia descaso do governo do estado/Foto: José Maria Barros.
 

Ainda segundo a direção do Sinte, há doze anos a Lei nº 11.738/08, desencadeou um processo de valorização, através do reajuste dos trabalhadores iniciantes na educação básica pública, dado de forma linear, ou seja, estendido a todos os profissionais da educação.
    
No entanto, em 2019 os aposentados da educação pública no Piauí não receberam o reajuste e, este ano também, de acordo com a proposta apresentada pelo governador Wellington Dias (PT a Assembleia Legislativa também não receberão, por isso a decisão da categoria de deflagrar a greve por tempo indeterminado.

CONFIRA MAIS FOTOS!

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador/Foto: José Maria Barros.
 

Manifestação contra governador encerrou na sede do Sinte Regional de Picos/Foto: José Maria Barros.

 

Fonte: Informa Picos

Tags

sem tags

Mais de Local