Coletivo de Aposentados e Assuntos Previdenciários defende a democracia e o direito à aposentadoria para toda a classe trabalhadora – SINTE PIAUI
You are here
Coletivo de Aposentados e Assuntos Previdenciários defende a democracia e o direito à aposentadoria para toda a classe trabalhadora Destaques Notícias 

Coletivo de Aposentados e Assuntos Previdenciários defende a democracia e o direito à aposentadoria para toda a classe trabalhadora

O Sinte-PI participou do Coletivo Nacional de Aposentados da CNTE que está acontecendo desde o dia 11 em Curitiba-PR, o Coletivo de Aposentados e Assuntos Previdenciáriosda CNTE está tendo as atividades numa dinâmica de debate, socialização das melhores práticas entre os sindicatos presentes e elaboração das próximas ações para o coletivo.

A abertura foi conduzida pela professora Selene Michelin, Secretária da pasta, e contou com a participação do Presidente da CNTE, Heleno Araújo, da Secretária Geral da CNTE e Vice Presidenta da Internacional da Educação para América Latina (IEAL), Fátima Silva, da Secretária de Finanças da entidade, Rosilene Corrêa Lima, e de Marilda de Abreu Araújo, da Secretaria Executiva e Presidente da FITE (Federação Interestadual de Trabalhadores em Educação Pública).

Para Selene, este encontro tem o simbolismo da força de luta desse coletivo, já que em diversos sindicatos afiliados à CNTE os aposentados e aposentadas chegam a representar até 30% da base. “Temos lutado muito pelos nossos direitos e ainda mais no último período. Nossa luta é contra todos os retrocessos sociais e seguiremos firmes no enfrentamento e resistência”, concluiu.

Na manhã de hoje, houve o lançamento do livro “Se é público, é para todos”, organizado pelo doutor Emir Sader e publicado pela Editora Vozes. Com textos de vários estudiosos e pesquisadores brasileiros, a publicação tem o apoio da CNTE e é um excelente embasamento para a defesa das empresas públicas brasileiras.

Um dos autores do livro lançado hoje, João Antonio de Moraes, Diretor da Federação Única dos Petroleiros – FUP, foi palestrante no encontro, falando sobre as “Consequências das Privatizações para a Educação e Soberania Nacional”. O assunto da soberania energética do país é de máxima relevância para a CNTE, especialmente quando observamos que de um lado, os governos democráticos do campo popular destinaram recursos do pré-sal para a Educação e, de outro o governo golpista, congelou investimentos no setor pelos próximos vinte anos.

O professor Hermes Leão, Presidente do Sindicato dos Trabalhadores em Educação Pública do Paraná – APP Sindicato, trouxe sua saudação ao coletivo e destacou a importância da militância dos aposentados e aposentadas no processo eleitoral que está acontecendo agora no país. “O projeto nacional que está em jogo no Brasil tem um apelo de direita violento e autoritário. Temos que abraçar esse papel político importante de diálogo e convencimento”, disse. E concluindo, citou a poetisa paranaense Helena Kolody: “ Para quem viaja ao encontro do sol é sempre madrugada”.

Participaram do encontro 51 representantes de 23 entidades afiliadas à CNTE, sendo: AFUSE, APEOC, APEOESP, APMC, APP, ASPROLF/BA, CPERS, FETEMS, FITE, SAE/DF, SINDIPEMA, SINDIUPES, SINPC, SINPRO/DF, SINPROESEMMA, SINTE/PI, SINTE/RN, SINTE/SC, SINTEGO, SINTEP/MT, SINTEPE, SINTEPP, SINTERO.

Fonte: CNTE

Related posts