Greve Nacional dia 5/12 será para defender aposentadoria – SINTE PIAUI
Você está aqui
Greve Nacional dia 5/12 será para defender aposentadoria Destaques Notícias 

Greve Nacional dia 5/12 será para defender aposentadoria

A direção executiva da CUT orientou todos os dirigentes da Central, de sindicatos, confederações, federações e ramos a priorizar a organização da Greve Nacional contra a Reforma da Previdência, que será realizada no próximo dia 5 de dezembro.

E a resposta está sendo positiva. O setor de transportes já está organizando paralisações em vários Estados e grandes cidades. Em assembleia nesta terça (28), os metroviários de São Paulo já confirmaram a adesão à greve nacional.

A nova proposta de mudanças de regras para concessão de aposentadorias encaminhada pelo governo ilegítimo Michel Temer (PMDB-SP) ao Congresso Nacional e deve ser votada no dia 6 de dezembro na Câmara dos Deputados. “Apenas a mobilização dos trabalhadores e das trabalhadores pode impedir essas mudanças”, acredita  Vagner Freitas,  presidente da CUT.

Se as novas regras forem aprovadas, os trabalhadores e as trabalhadoras de empresas privadas terão de contribuir durante 15 anos e receber 60% do salário benefício, que é uma média de todos os salários recebidos ao longo da vida – hoje, o beneficio se baseia em 80% da média dos maiores salários. Se quiser receber 100% do salário beneficio tem de contribuir durante 40 anos.

Na tarde de ontem (29) o secretário geral da CUT , Sérgio Nobre, teve uma conversa com o presidente da Câmara, Deputado Rodrigo Maia, exigindo a retirada da proposta da pauta.

Independentemente da resposta de Maia, Vagner afirma que é preciso fazer uma grande mobilização no dia 5/12. Segundo ele, “só conseguiremos derrubar  a Reforma da Previdência com negociação e muita mobilização NAS RUAS”.

Com informações da CUT

Artigos Relacionados